fbpx Nutricionista Marcos Hirata
Ir para o topo da página Ir para o conteúdo principal Ir para o fim da página

Confira as últimas notícias

Será que o suor é queima de gordura? Descubra!

Suor é queima de gordura? No rol dos mitos que atrapalham os resultados de um bom exercício físico, esse talvez esteja entre os piores. Isso porque faz com que as pessoas deixem de se preocupar com o que realmente importa na hora de se exercitar, além de não incentivar uma boa hidratação.

O suor é, sim, muito importante durante a prática de exercícios, mas por outros motivos. Vamos entender melhor esse assunto? Continue a leitura!

Suor não é queima de gordura

Para começar bem esta conversa, é preciso deixar claro que suar não é sinônimo de emagrecer, e nem é queima gordura. O suor é apenas uma forma que o corpo encontra para eliminar o calor e não superaquecer, mantendo a temperatura ideal para o nosso organismo funcionar, que é de 37 graus.

Suar faz você eliminar líquidos, 95% de água e 5% de sais minerais, que depois terão que ser repostos. Então não adianta forçar a transpiração usando cintas e moletons, ou treinando em temperaturas inadequadas. Isso só vai prejudicar seu rendimento nos treinos, que poderia ser melhor com o uso de roupas confortáveis e com o clima mais agradável do começo da manhã, do final da tarde e da noite.

Se hidratar é fundamental

O maior risco dessa lenda urbana de que suor é queima de gordura é que, na esperança de conseguir emagrecer mais, algumas pessoas acabam cometendo o grande erro de não tomar a quantidade adequada de água antes, durante e depois dos exercício. Isso pode trazer sérias consequências para o organismo.

Não beber água de forma adequada pode causar desidratação, o que atrapalha o bom funcionamento do seu corpo e faz seu ânimo para treinar ir, literalmente, por água abaixo.

Riscos da desidratação

A desidratação é causada quando a perda de água é maior do que a sua reposição. Com ela, o organismo também perde alguns sais minerais que são essenciais para o seu bom funcionamento.

Dependendo da sua intensidade, a desidratação pode ser considerada leve, moderada ou grave. De modo geral, apresenta sintomas como cansaço, dores de cabeça e secura na boca e axilas. Em qualquer grau, sem o tratamento adequado, pode ter consequências severas.

O ideal é se hidratar corretamente durante toda a atividade física, ingerindo água em pequenas quantidades, de forma constante. Beber água não só ajuda a eliminar toxinas como ainda contribui para o processo de emagrecimento, fazendo com que você sinta saciedade e passe a consumir porções menores durante as refeições.

Por que suamos quando nos exercitamos

É claro que durante uma atividade intensa, em que se sua bastante, poderá ocorrer a perda de peso, mas isso não acontece por causa do suor. A curto prazo, a perda de líquidos pode se traduzir em números a menos na balança, mas isso não quer dizer que houve queima de gordura ou perda de peso real.

A intensidade da transpiração também pode variar muito, e isto está ligado tanto a fatores ambientais quanto ao condicionamento físico e ao índice de gordura corporal. Pessoas com mais gordura tendem a suar mais pela tendência de armazenar mais calor, fazendo com que o organismo precise trabalhar mais para equilibrar a temperatura do corpo.

Temperatura ambiente

Ao acreditar que suor é queima de gordura, algumas pessoas optam por se exercitar nos horários mais quentes do dia e embaixo do sol. Essa prática é extremamente prejudicial à saúde e pode causar desidratação e insolação. As melhores condições para se exercitar são na sombra e em temperatura fresca.

Vestimentas inadequada

A roupa para a prática de exercícios deve ser confortável e permitir tanto a movimentação livre do corpo quanto a transpiração e a circulação de ar. Correr de moletom ou com cintas que acentuem o suor em nada vai acelerar o processo de perda de peso.

Muita gente chega a se confundir e realmente acreditar que suor é queima de gordura, o que acontece por vários motivos, dentre eles a desinformação a respeito do processo de emagrecimento. No entanto, para perder peso é preciso se preocupar com que seja feito de maneira saudável. Quando fazemos isso, além de cuidar do nosso próprio corpo e bem-estar, estamos trabalhando para evitar aquele famoso efeito sanfona.

Que tal aproveitar para entender melhor o processo de emagrecimento e começar o ano de atitude nova? Baixe o ebook “Como iniciar um processo de emagrecimento de resultados”!

Open chat